Arquivo de setembro \23\UTC 2009

Convite para qualificação de projeto de dissertação sobre conversações online

Imagem6No mestrado pesquiso a experiência conversacional dos interagentes nos comentários dos blogs e na próxima sexta-feira (25/09), às 9h30min, no PPGCOM da UFRGS, presto a qualificação do meu projeto de dissertação “CONVERSAÇÕES ONLINE: as interações dialógicas nos comentários de blogs“.

A qualificação é aberta ao público e a banca examinadora é composta pelos professores:

Pesquisa dos perfis @marcelotas e @interney no twitter

A #intercom2009 foi bem produtiva. Foi a melhor edição que já participei desde 2003. No #gpciber, apresentei o artigo sobre a Representação dos Profissionais de Comunicação no twitter junto à @erikaoikawa. Analisamos os perfis de @marcelotas e @interney no Twitter

Publico abaixo o nosso keynote e o link para o artigo completo:

Paper completo: CONSONI, Gilberto. OIKAWA, Erika. A representação dos profissionais de comunicação no Twitter- Análise dos perfis de Marcelo Tas e Edney Souza. Curitiba, Intercom 2009

Quem desejar receber o arquivo do keynote com as pausas para melhor visualização é só pedir por e-mail (gilberto@consoni.com.br) que eu envio ;)

A representação dos profissionais de comunicação no Twitter: Análise dos perfis de Marcelo Tas e Edney Souza

O serviço de micropostagens Twitter recebe apropriações das mais variadas pelos internautas. No próximo domingo, apresentarei junto à Erika Oikawa, no congresso da Intercom 2009 em Curitiba, os resultados da nossa pesquisa que se ocupou da representação dos profissionais de comunicação neste ambiente.

Os nossos objetivos na pesquisa foram analisar a apropriação que os profissionais de comunicação fazem do serviço de micropostagem Twitter para representar o seu perfil nas redes sociais online e verificar quais os valores são construídos a partir dessas representações.

Centramos nossas análises no perfil de um profissional da mídia de massa e de um profissional micromidiático digital, representados, respectivamente, pelo apresentador Marcelo Tas, do Programa CQC da Band, e por Edney Souza, blogueiro profissional de renome no Brasil.

A escolha dos dois perfis levou em conta o estudo de Primo (2009) sobre a existência de celebridades da e na blogosfera, que aponta o blogueiro Edney Souza como um ator social de renome na blogosfera, destacando-se frente aos seus pares, mas não como uma celebridade. Por outro lado, o jornalista Marcelo Tas, apresentador do programa CQC da rede Bandeirantes, de abrangência nacional e de massa, é considerado uma verdadeira celebridade na blogosfera.

Neste mesmo contexto, partimos da hipótese de que o perfil de Edney Souza no Twitter é do nível micromidiático, enquanto apontamos Marcelo Tas como um jornalista da mídia de massa TV, que mantém uma conta no Twitter. Visto isso, a nossa hipótese foi também de que o apresentador utiliza o Twitter para se  aproximar de sua audiência, o que, consequentemente, “realimenta a sua própria indústria cultural” (Primo, 2009). Desse modo, optamos por dois modelos de profissionais para esta pesquisa, um do modelo de massa e outro do modelo que surge com as mídias sociais da web.

A escolha dos perfis também se deu pelo conceito de encadeamento midiático de Primo (2008), em que aponta o blog de Edney Souza como micromídia digital, conceito desenvolvido pelo autor, baseando-se na tipologia de Thornton que abrange a  mídia de massa, de nicho e a micromidiática.

Através de uma Análise de Conteúdo de dois mil tweets (postagens), fizemos uma tabulação cruzada quantitativamente do conteúdo das mensagens, dos retweets (RT) e dos tipos de links encontrados para obtermos resultados qualitativos dos dados.

Foram utilizadas cinco variáveis: uso do Twitter, conteúdo da mensagem, tipo de link, caminho do  link e retweet. Quanto ao uso do Twitter, as postagens foram classificadas em quatro categorias: falas  diárias, conversação, compartilhamento e notícias (baseamo-nos no artigo de Java et al, 2007). A variável conteúdo da mensagem foi classificada em: profissional e não-profissional. Foram categorizados três tipos de link: link interno, quando se destinava ao endereço (URL) pessoal ou da empresa do internauta; link vizinho, quando se destinava para algum URL de um colega profissional ou cliente do twitteiro; e, link externo, quando era para endereço fora do ambiente do twitteiro. Quanto ao caminho do link, os mesmos foram categorizados em: mídia social, quando apontava algum tipo de mídia de rede social; site, quando se direcionava a portais ou sites empresas/instituições; e, outros, no caso de apontar para a descarga de um arquivo ou documentos online. Por fim, quanto ao retweet, foram identificadas as postagens que eram ou não retweets.

Após a coleta e categorização, os dados foram analisados com auxílio do programa estatístico SPSS, pelo qual obtivemos os resultados entre todas as variáveis de forma individual e tabulação cruzada. Adiantamos aqui o resultado de uma das tabulações feitas.

Tabulação Cruzada Uso do Twitter * Conteúdo da Mensagem (% válido)

Tabulação Cruzada Uso do Twitter * Conteúdo da Mensagem (% válido)

Apresentaremos as outras tabulações e a análise dos resultados no domingo em nossa apresentação. Após, publicaremos aqui o link para os que se interessarem pelo artigo completo.

Para quem desejar nos assistir, será um prazer receber críticas e sugestões à nossa pesquisa, visto que ainda temos dados que não foram publicados neste momento que serão utilizados para artigos futuros.

  • GP CIBERCULTURA
  • DT5 – Painel Interações no Twitter
  • Dia 6/9 das 09h00 às 12h00 – Bloco Azul – sala 215
  • Trabalho: A representação dos profissionais de comunicação no Twitter: Análise dos perfis de Marcelo Tas e Edney Souza
  • Autores: Gilberto Balbela Consoni (UFRGS), Erika Oikawa (UFRGS)
  • Confira a programação completa no blog do Grupo de Pesquisa

.:del.icio.us

Creative Commons License
Blog Web Research by Gilberto Consoni is licensed under a Creative Commons.

.:visits since 11fev08

  • 126,479

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: